Níveis de Islam

+A | -A


niveisdeislam
Há três níveis no Islam: Islam, Iman e Ihssan. Cada um deles tem um significado e certos pilares ou partes essenciais.

1- Islam (submissão)

Na terminologia da Shari’ah, o seu significado varia de acordo com o uso, e este pode significar uma de duas coisas:
a) Quando a palavra é usada sozinha e não é acompanhada da palavra Iman (fé, crença), refere-se à religião como um todo, incluindo os maiores e menores assuntos da crença, palavras e acções, como Allah diz nos versos:
“Por certo, a religião, perante Allah, é o Islam.” [Qur’an 3:19]
“…e agradei-Me do Islam como religião para vós.” [Qur’an 5:3]
“E quem busca outra religião que o Islam, ela não lhe será aceita…” [Qur’an 3:85]
Então, alguns dos estudiosos definiram esta palavra como significando: Submissão a Allah, afirmando que Ele é Único (Tawhid) e submetendo-se a Ele, obedecendo-O e rejeitando o shirk e os praticantes deste.
b) Quando é usada em conjunto com a palavra Iman (fé, crença), referindo-se, neste caso, a acções e palavras exteriores, como nos versos onde Allah diz:
“Os beduínos dizem: ‘Cremos’. Dize: ‘Vós não credes, mas dizei: ‘Islamizamo-nos’; e, ainda, a Fé não entrou em vossos corações…” [Qur’an 49:14]
O Mensageiro de Allah ? distribuiu (o zakah) entre (um grupo de) pessoas enquanto Sa’d estava sentado. Sa’d disse: “Mas o Mensageiro de Allah ? deixou um homem que eu pensava ser o melhor de todos e não lhe deu nada. Eu disse: ‘Ó Mensageiro de Allah, porque deixou de lado fulano tal? Por Allah, eu considero-o como um crente com fé’. O Mensageiro de Allah ? disse: ‘Ou (meramente) muçulmano’. Eu permaneci calado por um tempo, mas não consegui deixar de repetir a minha pergunta por causa do que eu sabia deste homem. Eu disse ‘Ó Mensageiro de Allah, porque deixou de lado fulano tal? Por Allah, eu considero-o como um crente com fé’. O Mensageiro de Allah ? disse: ‘Ou (meramente) muçulmano’. Eu permaneci calado por um tempo, mas não consegui deixar de repetir a minha pergunta por causa do que eu sabia deste homem. Eu disse ‘Ó Mensageiro de Allah, porque deixou de lado fulano tal? Por Allah, eu considero-o como um crente com fé’. O Mensageiro de Allah ? disse: ‘Ou (meramente) muçulmano. Eu dou a uma pessoa, mesmo quando outra é-me mais querida, por medo de que ele possa ser atirado pelo rosto no Fogo.’” [al-Bukhari, 27; Muslim, 150]
Em relação às palavras do Profeta “Ou (meramente) muçulmano”, quando Sa’d (??? ???? ???) lhe disse “Por Allah, eu considero-o como um crente com fé”, elas significam: Não sabes da sua fé, tudo o que podes ver é o seu Islam, no sentido das suas acções exteriores.

2- Iman (fé)

Em árabe, esta palavra significa crença comprometida com submissão. Na terminologia islâmica, o seu significado varia de acordo com o uso, e pode significar uma de duas coisas:
a) Quando a palavra é usada sozinha e sem ser acompanhada da palavra Islam, refere-se à religião como um todo, como nos versos onde Allah diz:
“Allah é O Protetor dos que crêem: fá-los sair das trevas para a luz.” [Qur’an 2:257]
“E, em Allah, então, confiai, se sois crentes.” [Qur’an 5:23]
E o Profeta ? disse: “Ninguém entrará no Paraíso excepto os crentes”. [Muslim, 114]
Logo, os predecessores concordavam unanimemente que Iman significa “afirmar no coração – o que inclui acções do coração – e afirmar verbalmente e agir com as faculdades físicas. Este aumenta fazendo actos de obediência e diminui cometendo pecado”.
Então, Allah limitou a palavra Iman àqueles que aderem à Sua religião totalmente, interna e externamente, quando Ele disse:
“Os verdadeiros crentes são, apenas, aqueles cujos corações se atemorizam, quando é mencionado Allah, e, quando são recitados, para eles, Seus versículos, acrescentam-lhes fé; e eles confiam em seu Senhor; Aqueles que cumprem a oração e despendem do que lhes damos por sustento. Esses são, deveras, os crentes. Terão escalões junto de seu Senhor, e perdão e generoso sustento.” [Qur’an 8:2-4]
E Allah referiu-se ao Iman como incluindo tudo isto quando Ele disse:
“…mas a bondade é a de quem crê em Allah, e no Derradeiro Dia, e nos anjos, e no Livro, e nos profetas; e a de quem concede da riqueza, embora a ela apegado, aos parentes, e aos órfãos, e aos necessitados, e ao filho do caminho [viajante], e aos mendigos, e aos escravos; e a de quem cumpre a oração e concede az-zakah; e a dos que são fiéis a seu pacto, quando o pactuam; e a dos que são perseverantes na adversidade e no infortúnio e em tempo de guerra. Esses são os que são verídicos e esses são os piedosos.” [Qur’an 2:177]
E o Profeta ? referiu-se ao Iman com inclusão de tudo isso no hadith sobre a delegação de ‘Abd al-Qays onde ele ? disse: “Eu ordeno-vos a crer em Allah, O Único. Sabeis o que é a crença (ou fé) em Allah, O Único?”. Eles disseram: “Allah e o Seu Mensageiro sabem mais”. Ele disse: “Testemunhar que não há divindade além de Allah e que Muhammad é o Mensageiro de Allah, estabelecer a oração regular, pagar o zakah, jejuar no Ramadan e doar um quinto dos espólios da guerra”. [Al-Bukhari, 53; Muslim, 17]
O Profeta ? descreveu o jejum do mês do Ramadan por fé e esperança de recompensa como sendo parte da fé; ele também disse o mesmo em relação a passar a noite de Laylat al-Qadr em oração, cumprir promessas, jihad, Hajj, participar de funerais, etc.
Ele ? disse: “A fé tem cerca de setenta ramos, o mais alto sendo la ilaha il Allah e o mais baixo sendo a remoção de algo nocivo do caminho.” [Al-Bukhari, 9; Muslim, 35]
b) Quando a palavra Iman é usada em conjunto com a palavra Islam, é entendida como se referindo a crenças internas como no hadith de Jibril, etc., a como no hadith do Profeta ? quanto ao du’a funerário: “Ó Allah, quem entre nós Tu fizeste viver, faça-o viver em [estado de] Islam, e quem entre nós fizeste morrer, faça-o morrer em [estado de] fé”. [Al-Tirmidhi, 1-24; hasan sahih. Classificado como sahih por Al-Albani em Sahih Sunan At-Tirmidhi, 1/299]
Isto significa que acções físicas podem ser cumpridas só durante a vida, mas quando alguém está a morrer, tudo o que resta são as palavras e acções do coração.
A questão é que quando uma das palavras, Iman ou Islam, é usada sozinha, não há diferença entre elas, pois quando são usadas sozinhas, elas referem-se a toda a religião. Se há alguma diferença entre elas, então a palavra Islam refere-se a acções físicas externas e a palavra Iman refere-se a acções do coração internas. Isto é o que foi indicado no hadith de Jibril, onde Ibn Al-Khattab disse:
“Um dia, quando estávamos com o Mensageiro de Allah ?, apareceu um homem perante nós cujas roupas eram extremamente brancas e cujo cabelo era extremamente preto, e não havia sinais de que tivesse viajado. Ninguém entre nós o reconheceu. Ele veio e sentou-se perto do Profeta ? e descansou os seus joelhos contra os dele e colocou as suas palmas sobre as suas coxas. Ele disse: ‘Ó Muhammad, conta-me sobre o Islam’. O Mensageiro de Allah ? disse: ‘O Islam é testemunhar que não há nada que mereça ser adorado excepto Allah e que Muhammad é o Mensageiro de Allah, estabelecer a oração regular, pagar o zakah, jejuar no Ramadan e fazer a peregrinação à Casa se for capaz’. Ele disse: ‘Falaste a verdade’. E nós estávamos surpresos com a sua pergunta e quando disse que ele tinha dito a verdade. Então ele disse: ‘Conta-me sobre o Iman”. Ele ? disse: ‘Significa crer em Allah, nos Seus anjos, nos Seus Livros, nos Seus Mensageiros e no Último Dia, e crer em al-Qadr (vontade e decreto divinos), ambos bom e mau’. Ele disse: ‘Falaste a verdade’. Ele disse: ‘Conta-me sobre Ihssan’. Ele ? disse: ‘Significa adorar a Allah como se O conseguisses ver, e mesmo que não O consigas ver, Ele vê-te’. Ele disse: ‘Conta-me sobre a Hora’. Ele ? disse: ‘Aquele que é questionado não sabe mais do que aquele que questionou’. Ele disse: ‘Conta-me sobre os seus sinais’. Ele ? disse: ‘A serva dará à luz à sua patroa, e verás os pastores descalços, nus e destituídos a competir na construção de edifícios altos’. E depois ele partiu e eu fiquei por um tempo. Depois ele ? disse: ‘Ó ‘Umar, sabes quem era o interrogador?’. Eu disse: ‘Allah e o Seu Mensageiro sabem mais’. Ele ? disse: ‘Ele era Jibril, que veio ensinar-vos a vossa religião’.” [Muslim, 8]

3- Ihssan (fazer algo com excelência, perfeita e sinceramente)

Na terminologia islâmica, o seu significado varia de acordo com o uso e pode significar uma de duas coisas:
a) Quando a palavra é usada sozinha e não é mencionada em conjunto com Islam ou Iman, esta refere-se à religião como um todo, como mencionado acima em relação às palavras Islam e Iman.
b) Quando esta é usada em conjunto com alguma ou ambas as palavras Islam e Iman, o significado é aperfeiçoar as acções internas e internas.
O Profeta ? explicou de uma maneira que nenhum outro ser criado poderia explicar, excepto ele, por causa da dádiva do discurso conciso que Allah lhe deu. Ele ? disse: “Significa adorar a Allah como se O conseguisses ver, e mesmo que não O consigas ver, Ele vê-te”.
Este é o nível mais elevado do Islam. Aqueles que o alcançam são os primeiros a fazer o bem, aqueles que serão os mais próximos de Allah nos níveis mais altos do Paraíso.
O Profeta ? disse-nos que o nível de Ihssan é de duas categorias, uma mais elevada que a outra.
A primeira posição é a mais elevada das duas: Adorar a Allah como se o conseguíssemos ver. Isto significa que uma pessoa age como se conseguisse ver Allah no seu coração, então o seu coração enche-se de luz e os assuntos do invisível tornam-se quase como o que é visível (isto é, tornam-se uma realidade para ele). Quem adora a Allah, consciente da Sua proximidade e voltando-se para Ele, e agir como se estivesse perante Allah, olhando para Ele, será obrigado a gemê-lo e a venerá-Lo.
A segunda posição é a de sinceridade e consciência de que Allah está sempre a ver. Isto significa que uma pessoa age com consciência de que Allah pode vê-lo e está Próximo dele. Se uma pessoa tem isto em mente e age de acordo, então ele será sincero para com Allah porque esta conscientização impedi-lo-á de ficar atento a alguém além Allah ou a fazer algo pela causa de qualquer outro. Se uma pessoa alcançar esta posição, tornar-se-á mais fácil para ela chegar à posição descrita acima. Então o Profeta ? disse: “…e mesmo que não O consigas ver, Ele vê-te”. Se uma pessoa entender verdadeiramente ao adorar a Allah que Ele pode vê-lo e sabe de todas as suas acções, ocultas e visíveis, internas e externas, e que nada é oculto d’Ele, então será fácil para ele mover da posição mais baixa para a mais alta, que é a conscientização constante de que Allah está Próximo do Seu servo e está com ele, porque é como se ele O visse.
Pedimos a Allah da sua recompensa.
[Veja Ma’arij al-Qubul por Sheikh Hafiz al-Hakami, 2/20-33, 326-328; al-Majmu’ al-Thamin, 1/49, 53.’ Jami’ al-‘Ulum wa’l-Hukam, 1.106]
Fonte: IslamQA
Tradução e adaptação: Cláudia Sofia Simões
1575
votar
Thanks!
An error occurred!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *